Messi, o Maradona, o Pelé, Garrincha… quem é ele afinal? Lionel?

 

Para alguns analistas futebolísticos ele pode ser considerado ao Maradona. Em fim, sozinho ele é a metade do Barcelona. Pode ser super glorificação de um jogador sim, mas de fato é o melhor do mundo atualmente.

Para Tostão, “na média o Messi tem mais chance de manter o auge, do que Ronaldinho”. Um talentoso jogador de agressividade, agilidade e habilidade inigualável.

Um novo Zidane, Lionel Messi está agregando uma nova característica no futebol, um novo estilo.

Se a regra dessa vez for contrária à Copa do Mundo de 2002, quando o lugar ocupado por Messi hoje era do Ronaldinho Gaúcho, e que, na copa ele não brilhou como antes… estimados, a Copa da África vai para os hermanos. Prestem atenção, ele ainda não brilhou na Seleção Argentina, assim como Ronaldinho nada quase fez, na Seleção Canarinho.

Continuem prestando atenção. Se a regra romper, ninguém vai segurá-lo. Basta apenas, o Maradona, que sede o seu reinado para Messi, saber usá-lo estrategicamente.

Um selvagem vai retornar à África!