Por Ângela Drummond, do blog Obseno Brasil.

ANALFABETISMO É DOENÇA?

O que mais impressiona na discussão em torno do candidato Tiririca (PR/SP) é a forma como a questão é tratada. Se analfabeto pode votar, então deveria poder ser candidato. Mas como é que alguém já famoso como o Tiririca, com falas em programas de TV, que consegue fazer o público rir, ainda não se interessou por aprender a ler e a escrever? Não é um pobre coitado do sertão com escola a quilômetros de distância.

Vamos lá Tiririca, se o problema não é de saúde mental, toma vergonha e vê se aprende a ler e a escrever nos próximos 10 dias. É mais fácil do que enfrentar programa eleitoral. Mostre que as palhaçadas podem apontar sérias necessidades e problemas da vida real. E o Legislativo pode ser um bom picadeiro para isso. Pense nos seus 1.353.820 votos e comece logo a soletrar: TI-RI-RI-CA…. BRA-SIL … NA-ÇÃO… RES-PON-SA-BI-LI-DA-DE.