Bio

Sobre o Marcone

Sou Marcone Souza e tenho 36 anos. Sempre gostei de escrever e de comunicar com o mundo e com as pessoasCresci em um cenário de mínimas oportunidades e rico em liberdade para ousar. E também com uma veia para os negócios da experimentação. Aos 13 anos eu já falava que queria ser padre ou estar inserido em alguma comunidade religiosa. Sempre atento, persistente, sonhador e curioso, na adolescência eu era chamado de “lunático”, porque será? Aos 16 fiz minha primeira experiência com as utopias que eu queria para a vida – ingressei-me na experiência de vida em comunidade pastoral da Igreja Católica e depois tentei a vida religiosa de fato (formação, consagração e votos). Faltou vocação. Desisti.  Desta fantástica experiência, aprendi fazer reflexões sobre a vida, gostar de livros, em especial a Bíblia, fiz belas e duradouras amizades e conheci alguns seres humanos inspiradores. Aos 21 conheci meu primeiro grande amor. Aos 23 meu segundo e de experiência infinita grande amor. Por meio dela, eu diria que redescobri o lifestyle. Após a faculdade de Comunicação e a pós graduação em Redes Digitais inventei de ter um blog. Hoje, empregado (apaixonado pelo que faço) ajudo o Verdemar (Supermercado e Padaria) ser a melhor empresa do varejo premium de Belo Horizonte. Há pouco me especializei em Administração – MBA em Gestão Estratégica de Negócios, na UFMG. A proposta do Blog do Marcone é compartilhar, informar, disseminar ideias á margem das conversões sobre mpolítica, cultura e comportamento (integrado), esporte, fotografiaviagens, reflexões, quase tudo sem frescuras ou ostentações!
Veja mais sobre mim abaixo:
Marcone bio

 – – – – – – – – – – – P E R F I L – – – – – – – – – – –

Nome: José Marcone Rodrigues Souza
Nascimento: 13/04/1977 (não há nenhum famoso nascido nesta data) Consulte aqui
Nasci e moro em: Araçuái – BH/Contagem – MG
Moraria em: Machu Picchu – Peru *.*

Uma Mania: curiosidade
Uma Paixão: Minha namorada (porque namorada é pra sempre e ainda acho estranho falar esposa)

Dica de Belezaseja feliz, se possível todos os dias
Produtos Indispensáveis: bom humor (ácido e com ferrugem no sorriso)
Dica Saudável: Fazer dieta equilibrada comendo carboidratos e proteínas na medida certa de 3 em 3 horas, não é clichê, siga direitinho que dá certo sim!

Inspirações fashion: o jeito que te faz sentir bem
Delírio Fashion: adivinha?
Marcas: aquelas responsáveis sustentavelmente – anti a sustentabilidade com o “esse” traçado com uma reta no meio.
Look Perfeito: adivinha?


Viagem dos sonhos: Ásia e América Latina Pobre
Melhor Viagem: meus sonhos e fantasias

No fds: Cinema, Caminhada, restaurantes, casa de amigos, etc
Comida: Salgada salmão grelhado e Doce bolo de fubá

Programas Favoritos de TV: Quase não assisto TV. Quando o faço, adoro Globo Rural, Roda Viva, Mundo S/A, Cidades e Soluções, Sem Fronteiras, A Liga, Pe. Léo, Pe. Fábio de Melo, Música na Mochila, Navegador, Papo Calcinha. No mais ADORO SÉRIES, minhas preferidas são Revenge, The United, CSI, The O.C Um Estranho no Paraíso.Filme: Sou viciado em filmes, então, não consigo citar somente um. Tenho mais de 788 filmes catalogados, tipo: À beira do abismo, Cavalo de guerra, Simplesmente amor, Doce novembro, Fale com ela, Como água para chocolate, Menina má.com, Ghandi, etc. Os preferidos são sobre guerras e documentários.

LivroBíblia, Conversando Com Deus (I, II, III) e Quem me roubou de mim? O sequestro da subjetividade e o desafio de ser pessoa.
Porto SeguroFamília: minha eterna Mãe, meu amigo AFS e minha  namorada!
Um Sonhoser pai!

Perfumes: prefiro os cítricos
Bebidas: o hálito de algumas bebidas alcoólicas deixam as mulheres excitadas. Por isso em ocasiões especiais tomo vinho.

A minha careca já mais trouxe problemas com as mulheres. Por isso a idéia do implante capilar me apavora. E mulher não gosta de ver aqueles tufos na testa.

Já passei base nas unhas e tirei cutículas. Até que um dia uma bela mulher me disse que preferiam elas (as unhas) cortadas e lixadas. E especialmente naquele dia cravadas sobre sua bunda, o resto não importava.

Por opção higiênica, aparo todos os pêlos em orifícios visíveis. E há um momento em que o teatro municipal recebe “aquela” faxina.

Até tomo banho antes. Logo depois, nunca! Hummm, aquele tempinho é gostoso. Pode ser? Uma espécie de Marcone valoriza.

Usar fluidos de higiene bucal depois do sexo oral – é não entender de retro gosto. Penso assim.

Orgulho-me de um cérebro definido.

Não gosto de pagode e samba. E carnaval do Rio de Janeiro é a estravagância do ridículo humano.

Não abro mão de vestir-me com decência e elegância. Comprovadamente é a preferência feminina na cama. Outros modelos são necessários para a manutenção.

Penso que cueca furada e com freada de bicicleta é ficar na mão literalmente. E ainda de maneira covarde, cinco contra um. Brincadeira viu. Qualquer furinho que seja não pensa duas vezes joga fora mesmo.

Raramente como carne vermelha. Mas se os níveis de proteína estão baixíssimos e a testosterona em alta – degusto as carnes amarela, negra, branca, ruiva, qualquer cor.

Definitivamente adoro fazer aniversário. As mulheres escolhem faixa etária longas pelo fato de que: “sabem o que,  e como fazer”, “zero de precoce” e “sem pressa de acabar”.

Não olho excessivamente no espelho. Um olhar feminino é mais sincero. Digo que “basta saber perceber”.

É atrativo, uma mulher usar Coffee Woman de O Boticário.

Agora o tal “Mamãe e bebê” da Natura é estimulo ao uso exagerado de automedicação. Pede uma “neosa”. E em um acampamento serve como repelente.

Adoro mulher de calça legging, é o que mais de bonito e sexy já inventaram para uma fêmea humana usar. Agora, “se não tiver um calçado à altura, fique descalço, dá pena de ver os pés sob o chão áspero. É melhor e excitante, do que sobre um tamanco de madeira”.

Sobre a mulher inteligente. Urgente, necessário, bela e atraente. Peça, obrigue o seu marido comprar uma lavadoura de roupas. Pra que lavar na mão se invetaram o equipamento? Ele ainda vai chegar em casa e admirar o tanto de roupas lavadas e secas. Você, fêmea humana inteligente, ainda vai designá-lo para passar a roupa, pois, estará cansada… e o macho humano ainda vai acreditar em você (achando que você lavou “na mão”). Ele esquece que lhe deu o eletrodoméstico. Isso é PHD em inteligência feminina.

  • You may use these HTML tags: <a> <abbr> <acronym> <b> <blockquote> <cite> <code> <del> <em> <i> <q> <s> <strike> <strong>

  • Comment Feed for this Post
Go to Top